O que você procura?
 
Amo Poesias › Improviso (Castro Alves)


  

Improviso


(í€ mocidade acadêmica)


Moços! A inépcia nos chamou de estúpidos!
Moços! O crime nos cobriu de sangue!
Vós os luzeiros do paí­s, erguei-vos!
Perante a infí¢mia ninguém fica exangue


Protesto santo se levanta agora,
De mim, de vós, da multidão, do povo;
Somos da classe da justiça e brio,
Não há mais classe ante esse crime novo!


Sim! mesmo em face, da nação, da pátria,
Nós nos erguemos com soberba fé!
A lei sustenta o popular direito,
Nós sustentamos o direito em pé!


Autor: Castro Alves

Adicionado em 24/10/2008  |  Cliques: 18




 


Home | Política de Privacidade | Termos de Uso |    Copyright ©2019 Amo Poesias www.amopoesias.com