O que você procura?
 


  

A VOZ DE DEUS


Brilha uma voz na noute...

De dentro de Fora ouvi-a...

í“ Universo, eu sou-te...

Oh, o horror da alegria

Deste pavor, do archote

Se apagar, que me guia!



Cinzas de idéia e de nome

Em mim, e a voz: í“ mundo,

Sermente em ti eu sou-me...

Mero eco de mim, me inundo

De ondas de negro lume

Em que para Deus me afundo.


Autor: Fernando Pessoa

Adicionado em 24/10/2008  |  Cliques: 99




 


Home | Política de Privacidade | Termos de Uso |    Copyright ©2019 Amo Poesias www.amopoesias.com