O que você procura?
 
#222 Pesquisa por "" | 36 resultados em 6 páginas, em 0.05147 segundos





Mãos dadas  ( Carlos Drummond de Andrade )
Não serei o poeta de um mundo caduco. Também não cantarei o mundo futuro. Estou preso à vida e olho meus companheiros. Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças. Entre eles, considero a enorme realidade. O presente é tão grande, não nos afastemos, Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas. Não serei o cantor ...
Tipo: Poesias


Interlúdio  ( Cecília Meireles )
As palavras estão muito ditas e o mundo muito pensado. Fico ao teu lado. Não me digas que há futuro nem passado. Deixa o presente — claro muro sem coisas escritas. Deixa o presente. Não fales, Não me expliques o presente, pois é tudo demasiado. Em águas de eternamente, o cometa dos meus males afunda, ...
Tipo: Poesias


As doces cantilenas que cantavam os semicapros deuses, amadores das Napeias, que os montes habitavam, cantando escreverei; que, se os amores aos silvestres deuses maltrataram, já ficam desculpados os pastores. Vós, Senhor Dom António, aonde acharam o claro Apolo e Marte um ser perfeito, em que suas altas men ...
Tipo: Poesias


I - Primeira Parte Brasão  ( Fernando Pessoa )
I. OS CAMPOS PRIMEIRO O DOS CASTELOS A Europa jaz, posta nos cotovelos De Oriente a Ocidente jaz, fitando, E toldam-lhe romí¢nticos cabelos Olhos gregos, lembrando. O cotovelo esquerdo é recuado; O direito é em í¢ngulo disposto. ...
Tipo: Poesias


Amor Distante  ( Desconhecido )
Ah! Como eu quero viver o amor que um dia experimentei É um amor distante, mas muito presente; É um amor lindo, muito lindo, mas eu ainda não o vi de perto; É um amor forte, mas que nos torna sensíveis, simples e inocentes como crianças; É um amor grande, mas que nos torna pequenos e desprovidos de desejos de grandeza; ...
Tipo: Poesias


Passado já algum tempo que os amores de Almeno, por meu mal, eram passados, porque nunca Amor cumpre o que promete, e antre verdes ulmeiros apartados, regando pelo campo as brancas flores, em lágrimas cansadas se derrete; quando a linda pastora, que compete co monte em aspereza, co prado em gentileza, por quem ...
Tipo: Poesias



<< Anterior 1 2 3 4...6Próxima >>





 


Home | Política de Privacidade | Termos de Uso |    Copyright ©2017 Amo Poesias www.amopoesias.com