O que você procura?
 
#2324 Pesquisa por "" | 1 resultado em 1 página, em 0.02659 segundos





A Tarde  ( Castro Alves )
Era a hora em que a tarde se debruça Lá da crista das serras mais remotas E daraponga o canto, que soluça, Acorda os ecos nas sombrias grotas; Quando sobre a lagoa, que sembuça, Passa o bando selvagem das gaivotas E a onça sobre as lapas salta urrando, Da cordilheira os visos abalando. Era a hora em que os cardos ...
Tipo: Poesias







 


Home | Política de Privacidade | Termos de Uso |    Copyright ©2018 Amo Poesias www.amopoesias.com