O que você procura?
 
#2332 Pesquisa por "" | 3 resultados em 1 página, em 0.75741 segundos





O vaqueiro  ( Patativa do Assaré )
Eu venho dêrne menino, Dêrne munto pequenino, Cumprindo o belo destino Que me deu Nosso Senhí´. Eu nasci pra sê vaquêro, Sou o mais feliz brasilêro, Eu não invejo dinhêro, Nem diproma de dotí´. Sei que o dotí´ tem riquêza, í‰ tratado com fineza, Faz figura de grandeza, Tem carta e tem anelão, Tem ca ...
Tipo: Poesias


Canção III  ( Luís Vaz de Camões )
Tomei a triste pena já de desesperado de vos lembrar as muitas que padeço, com ver que me condena a ficar eu culpado o mal que me tratais e o que mereço. Confesso que conheço que, em parte, eu causei o mal em que me vejo, pois sempre meu desejo tão comprido, em vós cumprir deixei; mas não tive suspeita que seg ...
Tipo: Poesias


A triste partida  ( Patativa do Assaré )
Setembro passou, com oitubro e novembro Já tamo em dezembro. Meu Deus, que é de nós? Assim fala o pobre do seco Nordeste, Com medo da peste, Da fome feroz. A treze do mês ele fez a experiença, Perdeu sua crença Nas pedra de sá. Mas ní´ta experiença com gosto se agarra, Pensando na barra Do alegre Natá. Rompe ...
Tipo: Poesias







 


Home | Política de Privacidade | Termos de Uso |    Copyright ©2018 Amo Poesias www.amopoesias.com